Notícias

Grupos de Trabalho na Braskem incentivam a discussão e buscam um ambiente ainda mais inclusivo

Desde 2014, a Braskem possui o Programa de Diversidade e Inclusão, iniciativa global da empresa que tem como objetivo estimular um ambiente cada vez mais colaborativo e inclusivo, gerando melhores relações entre as pessoas. Para democratizar o programa e explorar o seu potencial por meio da colaboração, foram criados Grupos de Trabalho de Diversidade e Inclusão que contam com a participação de 90 integrantes da Braskem, divididos em três grupos de atuação: Raça e Etnia, Gênero e LGBTQIA. Os grupos têm a função de apoiar na construção de ações do programa de diversidade e inclusão e também, serem multiplicadores do tema. 

Para marcar o Dia Internacional para a Eliminação da Discriminação Racial, 21 de março, confira a entrevista com Graziela Vasconcelos, líder do Grupo de Trabalho de Raça e Etnia, sobre as iniciativas promovidas pela equipe. 

Braskem - Qual o objetivo do Grupo de Trabalho (GT) de Raça e Etnia? Como você avalia esse tipo de ação dentro da Braskem? 
Graziela Vasconcelos - O GT de Raça tem o objetivo de manter e ampliar o debate acerca da questão racial dentro da organização e propor ações e mudanças nas nossas práticas, de forma a criar dentro da Braskem um ambiente cada vez mais inclusivo e livre do preconceito e da intolerância. Queremos dar oportunidades de espaço e ascensão às diferentes raças e etnias, além do respeito e da valorização do ser humano.

B - Quais assuntos são discutidos nas reuniões do GT? 
GV - O GT trata sobre ações afirmativas no contexto coorporativo, ou seja, exploramos práticas de outras organizações no tema e campanhas em datas comemorativas associada ao tema racial. Também promovemos ações de sensibilização dos integrantes da Braskem sobre o respeito e valorização das diferentes raças e etnias, análise crítica de fatos sociais, além do levantamento de filmes, vídeos e livros que podem ajudar na compreensão das razões para se discutir sobre o tema.

B - Como líder, qual a sua função dentro do grupo? 
GV - Como líder, minha principal função é apoiar o GT no desenvolvimento e implementação de ideias orientadas para a criação de um ambiente mais inclusivo, que valorize e respeite as diferenças na nossa organização. Além de fomentar o engajamento dos integrantes do GT na causa, promover discussões e ações internas e externas ao grupo.

B - Além do GT de Raça e Etnia, quais outras iniciativas, você acredita que promovem um ambiente de respeito e igualdade na Braskem? 
GV -
A criação dos GTs de Gênero e LGBTQIA também fomenta um espaço de respeito e igualdade. Para além dos grupos, existem ações de sensibilização dos integrantes, de afirmação positiva, capacitação das lideranças e das equipes de P&O sobre a importância do seu papel na contratação e promoção de integrantes. Além do fomento à novos espaços para mulheres e negros na organização e possibilitar um ambiente para fala e escuta.

B - Quais os maiores desafios para proporcionar um ambiente de respeito e igualdade dentro de uma empresa que está presente em diferentes localidades? 
GV -
 O maior desafio é lidar com uma sociedade que tem uma cultura historicamente estabelecida e ainda fortemente vigente da hegemonia, seja ela de raça, gênero e/ou orientação sexual.. Essa crença povoa o inconsciente de todos nós e determina ações muitas vezes "cruéis" das quais não nos damos conta e acabam sendo vieses inconscientes.

Para esclarecimentos adicionais, favor contatar:
CDN Comunicação 
Fernando Rubino (55 11) 3643-2991 - fernando.rubino@cdn.com.br
Jessyca Trovão - (55 11) 3643-2769 - jessyca.trovao@cdn.com.br
Pedro Orlandi - (55 11) 3643-2745 - pedro.orlandi@cdn.com.br  

 

Braskem nas redes sociais

Facebook | Linkedin | Twitter