Notícias

3º Desafio Design Odebrecht Braskem promove reflexão sobre mobiliário paulista

Na nova edição do concurso, estudantes universitários terão a missão de criar mobiliários urbanos usando o plástico como matéria-prima

As empresas Odebrecht Realizações Imobiliárias (OR) e Braskem, em parceria com a Tramontina e Freso, lançam a 3ª edição do projeto Desafio de Design Odebrecht Braskem. Com a consultoria da agência de design Mais Packing, a disputa entre estudantes universitários visa gerar oportunidades de interação entre os acadêmicos e o mercado de trabalho através de ações práticas para a criação de novas soluções para mobiliários urbanos que poderão ser utilizados por usuários de espaços públicos e empreendimentos imobiliários. Para isso, os universitários deverão utilizar o plástico como matéria-prima, tendo como objetivo promover novos conceitos e aplicações aos móveis do cotidiano, ressaltando valores como inovação, praticidade e sustentabilidade.

Neste ano, o tema central foi escolhido pela relevância e espaço que  o mobiliário urbano vem ganhando nos últimos tempos nas grandes cidades mundiais, dentre elas São Paulo. O assunto foi dividido em duas categorias: Social, para o desenvolvimento de cadeira, mesa e banco; e Kids, voltada à produção de playgrounds. A ideia é fomentar a criação de peças diferenciadas e inovadoras, que misturem funcionalidade, sustentabilidade e design, oferecendo ao cidadão conforto e um ambiente amistoso; e que se tornem elementos de referência e identidade de um local, colaborando esteticamente para a paisagem urbana.

Seis instituições de ensino, com cursos tradicionais de Arquitetura e Design, participam do Desafio: Centro Universitário Belas Artes de São Paulo, Fundação Armando Álvares Penteado (FAAP), Universidade Presbiteriana Mackenzie, Universidade Paulista (Unip), Universidade São Judas Tadeu e Universidade de São Paulo (USP), que integra pela primeira vez a disputa. Ao longo de quatro meses, período de desenvolvimento dos projetos, os estudantes estagiarão na agência de design Mais Packing e contarão também com a orientação de profissionais da área. Os projetos vencedores serão instalados em três espaços de convivência de empreendimentos da Odebrecht Realizações Imobiliárias, todos na Zona Sul da capital: Parque da Cidade, Praça São Paulo e Projeto Nações Unidas. 

"Nossa ideia é estimular jovens talentos a desenvolver aplicações inovadoras utilizando o plástico. Ao conhecer o potencial de aplicação da matéria-prima, os futuros profissionais serão capazes de criar peças que atendam às necessidades do meio urbano e reflitam as principais vantagens do plástico, com altos níveis de acabamento e qualidade ainda em expansão", afirma Walmir Soller, diretor do negócio de Polipropileno da Braskem.

Nas últimas edições os resultados demonstraram criatividade, forma e funcionalidade em diferentes segmentos. Os móveis produzidos em 2013, por exemplo, estão hoje na área de convivência do Edifício Odebrecht São Paulo e integram a 5ª mostra Jovens Designers, realizada no Museu da Casa Brasileira (MCB), instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo. A exposição apresenta um painel da produção dos estudantes brasileiros da área, reunindo produtos e protótipos de 63 universitários de oito estados. 

Para a Odebrecht Relações Imobiliárias, abrir espaço para os jovens criadores de São Paulo vai ao encontro do perfil dos empreendimentos que receberão os trabalhos vencedores. "Tanto o Parque da Cidade, quanto o Praça São Paulo e o Nações Unidas primam pelo estímulo à convivência entre seus ocupantes e o público em geral, se tornando, além de vitrine, o local ideal para os mobiliários urbanos que serão projetados pelos designers", declara Paulo Aridan, diretor regional da OR.

A comissão julgadora será composta por representantes da Braskem, da Odebrecht Realizações Imobiliárias, um arquiteto e um arquiteto urbanista renomados, representantes da Tramontina e da Freso, fabricante de playgrounds e produtos em plástico. A universidade vencedora será conhecida em agosto e receberá como prêmio o valor de R$ 15 mil.

Sobre o Desafio de Design
O Desafio surgiu durante a elaboração do projeto de interiores do empreendimento. Em vez de buscar arquitetos ou designers renomados, as empresas decidiram por um processo que envolvesse jovens talentos do design brasileiro. A proposta de utilizar o plástico como o material das peças de mobiliário da praça de convivência busca mostrar a versatilidade dessa matéria-prima, inclusive em aplicações corporativas, e a possibilidade de seu uso de forma prática e sustentável, com seu menor impacto ambiental. Entre as principais vantagens do plástico estão redução de peso, facilidade no transporte, durabilidade, resistência e ergonomia, que permite trabalhar formas complexas. Além disso, o plástico é 100% reciclável.

Sobre a OR
Presente em todas as regiões do Brasil, com escritórios regionais em Salvador, Recife, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, São Paulo, Campinas e Brasília, a OR desenvolve projetos residenciais, empresariais, comerciais, hoteleiros e de uso misto que atendem às necessidades e peculiaridades de cada localidade e de públicos distintos, sempre mantendo o padrão de excelência que caracteriza a empresa. A OR atua hoje em 21 cidades, de sete estados, além do Distrito Federal, e conta hoje com cerca de oito mil integrantes. A OR é membro fundador do Green Building Council, organização que visa fomentar a indústria de construção sustentável no país, e possui empreendimentos com a certificação LEED. Também trabalha com outros selos verdes, como o Aqua, o Procel e o Selo Azul da Caixa.

 

 

Para esclarecimentos adicionais, favor contatar:
CDN Comunicação 
Fernando Rubino (55 11) 3643-2991 - fernando.rubino@cdn.com.br
Jessyca Trovão - (55 11) 3643-2769 - jessyca.trovao@cdn.com.br
Pedro Orlandi - (55 11) 3643-2745 - pedro.orlandi@cdn.com.br  

 

Braskem nas redes sociais

Facebook | Linkedin | Twitter