Comunidades

A Braskem entende que a atuação empresarial responsável é um compromisso com as pessoas, a sociedade e o planeta. Por isso, a empresa se dedica a apoiar projetos que estejam alinhados com seu negócio e seu propósito de melhorar a vida das pessoas criando as soluções sustentáveis da química e do plástico.

Como estratégia de atuação social, a Braskem tem definidas duas causas sociais: impulsionar o desenvolvimento humano e promover o desenvolvimento socioambiental por meio da química e do plástico.

Conheça alguns projetos realizados pela Empresa

Fábrica de Florestas

O Instituto Fábrica de Florestas nasceu buscando a recuperação da Mata Atlântica no litoral norte da Bahia, em 2008, e hoje também atua em São Paulo e Rio de Janeiro. Já foram produzidas mais de 1 milhão de mudas, das quais mais de 600 mil foram plantadas. O trabalho do IFF é desenvolvido com a comunidade, que é capacitada para realizar a coleta de sementes, produção e plantio de mudas nativas, e manutenção das áreas plantadas. O projeto também desenvolve o Programa de Educação Ambiental (PEA), realizando capacitações de professores e visitas guiadas pelos seus Viveiros-Escola - só no ano de 2015, mais de mil pessoas foram capacitadas e 17 mil sensibilizadas. Para saber mais, acesse:  Fábrica de florestas

Edukatu

Realizado em parceria com o Instituto Akatu e apoiadores como Fundação Cargill, KPMG, Ministério do Meio Ambiente e Ministério da Educação, o Edukatu é a primeira rede brasileira de aprendizagem para o consumo consciente. Em sua plataforma online  www.edukatu.org.br , coloca à disposição  de alunos e professores materiais sobre questões como reciclagem, mudanças climáticas, água, uso de recursos naturais e alimentação sustentável, em formatos e linguagens atrativas  – games, vídeos, infográficos, cartilhas e planos de aulas. Em 2015, a rede atingiu a marca de 20 mil membros (em mais de 2 mil escolas e nos 27 estados do país), e desde seu lançamento mais de 7 mil desses participantes se envolveram em ações práticas nas suas comunidades escolares, mobilizando 43 mil pessoas para a causa. 

Estação Ambiental Braskem

Localizada no cinturão verde do Polo Petroquímico de Triunfo, no Rio Grande do Sul, a Estação Ambiental monitora a fauna e flora locais desde a década de 1980. De lá para cá, já foram catalogadas mais de 3.000 espécies de animais e plantas, algumas inéditas para a ciência. Em 1994, a estação passou a abrigar também um centro de atividades voltadas à educação ambiental e à conscientização do Ciclo das Plantas e do Ciclo do Plástico. As atividades incluem também um programa de educação ambiental que aborda questões como cidadania, resíduos, água e biodiversidade.

Cinturão verde

O Cinturão Verde é uma reserva ecológica localizada no bairro do Pontal da Barra, ao lado da unidade de Cloro Soda da Braskem, em Maceió/AL. Criada em 1987, proporcionou a recuperação da mata e do solo degradados e hoje abriga um espaço para estudos, visitas e desenvolvimento de projetos socioambientais. O local recebeu o título de Posto Avançado da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica pela UNESCO. 

Programa de Educação Ambiental Lagoa Viva

O programa promove oficinas dedicadas à educação ambiental e à capacitação para apoiar a restauração e conservação do meio ambiente, a geração de renda da população e a promoção da cultura local em Maceió/AL. Ao longo dos anos, vem contribuindo de forma relevante para a melhoria da qualidade de vida dos moradores da comunidade do entorno, configurando-se como agente influenciador de políticas públicas nas cidades de Alagoas. 

ser+ realizador

Presente em todos os estados de atuação da Braskem, o programa tem como objetivo aumentar a reciclagem de resíduos pós-consumo no Brasil de maneira colaborativa, aliando a promoção de eficiência da cadeia produtiva da reciclagem à inclusão e desenvolvimento socioeconômico dos catadores.  Por meio de investimentos em equipamentos e infraestrutura de unidades de triagem, capacitações e consultorias personalizadas, e o estímulo à atuação em rede, os catadores de materiais recicláveis apoiados têm conseguido incrementar sua produtividade e renda, indicadores acompanhados mensalmente pela Braskem. Em 2015, foram 69 cooperativas e 3.538 catadores beneficiados, que triaram e enviaram para reciclagem mais de 24 mil toneladas de lixo. A iniciativa é reforçada por importantes parceiros como Ambev, Sebrae, BNDES, Bünge, Gerdau e prefeituras municipais, influenciando em políticas públicas como o Todos Somos Porto Alegre, programa municipal de gestão de resíduos.